Preço do Samsung Omnia II, com Windows Mobile 6.5

outubro 7, 2009

A Samsung divulgou hoje, o preço sugerido de seu aparelho Omnia II com o sistema operacional Windows Mobile 6.5: R$ 1.599.

OmniaII

Já a TIM, ontem, que vai vender os modelos com o novo sistema da Microsoft, afirmou que os preços dos aparelhos variariam de R$ 1.200 a R$ 2.000, podendo até a sair de graça dependendo do plano. O HTC Touch 2 e o LG GW550 também estão entre os primeiros aparelhos com o OS a serem vendidos no Brasil.

O Omnia II tem tela de Amoled sensível ao toque de 3,7 polegadas, interface 3D, câmera de 5 megapixels, conexões Bluetooth e Wi-Fi, GPS e 8 GB de memória interna.

Anúncios

iPhone é responsável por 40% dos acessos de celulares à internet

outubro 1, 2009

supp_safari20080609

De acordo com uma pesquisa da AdMob, o iPhone é responsável pela geração do maior tráfego de internet móvel. A empresa autora do levantamento cria anúncios para mais de 9 mil sites e possui 3 mil aplicativos na web móvel.

Em agosto, 40% dos acessos à internet por dispositivos móveis foram feitos por iPhones. Há seis meses, essa porcentagem era de 33%. Usuários do Android responderam por 7% dos acessos aos sites da AdMob, enquanto que em fevereiro esse índice era de 2%.

Aparelhos da Nokia com Symbian apresentaram queda de 43% em fevereiro e 34% em agosto. Os BlackBerrys ficaram com 8%, enquanto que o Windows Mobile saiu de 7% em fevereiro para 4% no último levantamento. O Palm Pre respondeu por 4% dos acessos em agosto.

Além disso, a AdMob mede o volume de tráfego que cada modelo produz. A Nokia possui 12 entre os 20 aparelhos que mais trafegam dados na web móvel. Mas o primeiro lugar do ranking é do iPhone, seguido pelo G1, (primeiro celular com Android do mercado) e pelo Nokia N70. Três modelos de BlackBerry aparecem na lista, mas nenhum aparelho com Windows Mobile está entre as 20 primeiras colocações.


Microsoft coloca no mercado Windows Phone

setembro 24, 2009

A Microsoft resolveu mudar o nome de seu sistema operacional para celulares e quer firmar o conceito “Windows Phone” entre os usuários. No Mobile World Congress, Steve Ballmer, CEO da empresa, afirmou que os aparelhos a partir de outubro serão equipados com o novo sistema, uma versão mais atualizada do Windows Mobile, a 6.5.

A boa notícia é que desta vez o Windows Phone só terá uma interface, abandonando as versões Standard e Professional do sistema anterior. A Microsoft anunciou, ainda, sete fabricantes de celulares para fazer parceria com os produtos que serão comercializados fora do Brasil: HTC, Acer, LG, Samsung, Sony-Ericsson, HP e Toshiba.

Para os novos smartphones, a empresa desenvolveu serviços agregados, como o My Phone, para sincronização e arquivamento de dados, e o Windows Marketplace para celulares, onde usuários poderão fazer download de aplicativos.


Guerra Mobile

setembro 9, 2009

Fonte: UOL

A maior briga entre os celulares na IFA, maior feira de eletrônicos de consumo do mundo, que acontece em Berlim, na Alemanha, não é entre modelos, mas sim entre sistemas operacionais. Eles são responsáveis pela ‘cara’ dos programas e por diversas funções do aparelho.

A velha guerra do todos contra o iPhone continua, e as empresas agora possuem duas grandes armas: o sistema do Google, chamado Android, e o novo Windows Mobile 6.5. Os principais lançamentos de celulares trazem estes sistemas operacionais—o que se vê é maior velocidade no WM e aparelhos mais bonitos para o Android.

Com a Nokia abrindo mão do Symbian para rodar Linux, parece mesmo que as granadas estão nas mãos do Google (que coordena o quartel do software livre) e da Microsoft (a odiada imperatriz do software proprietário) e não das fabricantes de aparelhos, que há anos vêm lançando um novo modelo mês após mês para combater a hegemonia do aparelho da Apple.

O sucesso do iPhone, além do hardware robusto (16 ou 32 GB de HD no 3GS com processador a 600Mhz) com multi-toque, deve-se também ao sistema amigável com fácil controle e uso dos programas, beleza e variedade de apps.

Para saber se os novos sistemas operacionais conseguirão fazer frente à Apple, o UOL Tecnologia testou os modelos de ponta das principais fabricantes como Samsung, SonyEricsson, HTC, T-Mobile e Nokia equipados com os OSs. A Nokia, não trouxe para a feira o novo modelo com Linux, o N900, somente o N97 mini que pode concorrer de igual para igual com os demais.

O UOL Tecnologia também colocou as mãos em uma versão ainda não finalizada do HTC G2 Touch com Windows Mobile 6.5. Não foi possível tirar fotos, mas o hardware é o mesmo do HTC Hero (G2) com Android e com funções iguais às vistas no novo sistema. Por enquanto, a interface estava toda em preto e branco.

Outros aparelhos que já estão no mercado e terão upgrade do WM 6.1 para o 6.5 são o Samsung Omnia Pro B7610 e B7320, o HTC Snap e HTC Touch Pro 2.

A LG não trouxe nenhum modelo com os sistemas analisados, já Motorola, BlackBerry (RIM) e Palm não participam do evento. Confira, nos links abaixo, o comparativo:


LG está com tudo: três smartphones com WinMobile 6.5 só este ano!!

setembro 4, 2009

A LG vai lançar ainda neste ano três celulares com Windows Mobile 6.5. A empresa está mantendo segredo sobre um aparelho com tela sensível a toque, e outro com touchscreen e teclado QWERTY. Mas já sabemos que o GW550, na foto abaixo, será um celular QWERTY em formato de barra (à lá BlackBerry).

lgphones

Enquanto o GW550 estará disponível inicialmente na Ásia, África e Oriente Médio, os dois celulares misteriosos “serão introduzidos inicialmente para early adapters na Europa, EUA e Ásia antes de ser disponibilizado globalmente”. E, segundo a LG, antes do fim de 2010, a empresa terá estes e mais 10 smartphones com Windows Mobile.

A app store da Microsoft para todos os smartphones com WindowsMobile 6.x chega no dia 6 de outubro, junto com o novíssimo Windows Mobile 6.5 — provavelmente os modelos da LG devem chegar nessa data também.


Microsoft proibe uso de iPhone e BlackBerry aos seus funcionários

junho 17, 2009

Realmente incrível como a Microsoft quer monopolizar o mundo: desta vez, decidiu vetar o reembolso dos celulares iPhone e BlackBerry (fabricados pela Apple e Research in Motion, respectivamente), entre seus funcionários, que só terão restituição das contas caso o aparelho seja equipado com o sistema operacional Windows Mobile.

Segundo informou a imprensa americana na segunda-feira (15), a fabricante de softwares deixará de reembolsar seus mais de 90 mil funcionários que usarem celulares sem o Windows Mobile, mesmo que o uso tenha finalidade de trabalho.

A medida é um novo passo da firma para tentar reduzir custos. A Microsoft cortará 5.000 empregos até junho de 2010.

No entanto, algumas divisões do grupo não serão afetadas. É o caso da Razorfish, agência de publicidade de propriedade da Microsoft cujos funcionários seguirão tendo suas contas pagas, inclusive para uso pessoal, independentemente do aparelho usado.

A decisão se aproxima da regra adotada pelo fundador da empresa, Bill Gates, entre sua família. Segundo sua esposa, Melinda, ele não permite que seus três filhos usem iPods ou telefones iPhone, ambos da Apple.