Insatisfação: Magic Mouse

dezembro 1, 2009

Apesar de o Magic Mouse ser um bom produto e estar à frente do seu antecessor, nem todos os seus usuários demonstram-se satisfeitos com o acessório, especialmente os donos da última geração do Mac Pro. Usá-lo com o desktop mais caro (e poderoso) já produzido pela Apple aparenta ser impossível, devido a sucessivas quedas de conexão entre os dois, que apenas foram constatadas com essa máquina.

Magic Mouse (perfil)

O pior de tudo é que não se trata de um problema do mouse, e sim do próprio Mac Pro. A posição da sua antena Bluetooth interna ficou bastante comprometida com a revisão que a Apple fez no seu design, que colocou o componente sob um proteção plástica no interior da máquina.

Isso prejudica a recepção de sinal do Magic Mouse com a torre, algo que já gera diversas discussões nos fóruns de suporte da Apple neste momento. A única solução aparente para as falhas não diz respeito ao acessório, nem ao Mac Pro: muita gente por lá é orientada a adquirir uma antena Bluetooth externa e conectá-la a uma porta USB da máquina.

Para esses usuários, seria conveniente que a Apple lançasse um Magic Mouse com fio… :-/

MACMAGAZINE

Anúncios

Jornal The Sun, o mais atrasado!

novembro 30, 2009

Depois de  quase todos os jornais apresentarem planos online para os seus clientes, o jornal The Sun ainda aposta suas fichas no bom e velho jornal tradicional (papel).

Para comemorar seus 40 anos, o jornal criou um vídeo publicitário bem bacana, fazendo comparações com smartphones, no caso, percebe-se que o ataque é bem direto, tento o iPhone na mira.

“As melhores notícias, esportes, fotos, fofocas e jogos em um formato fácil de se compartilhar. Não há espera para as páginas carregarem, não há contratos e nem recepção [de sinal] perdida. Não há substituto para o The Sun.” Isso, é claro, sem falar na sua interface panorâmica de 26 polegadas, fosca, CMYK, totalmente colorida e com gráficos realísticos, sete games gratuitos com sensibilidade à caneta e material 100% reciclável.” Macmagazine


O que esperar do Office 2010?

novembro 25, 2009

À primeira vista, o Office 2007 foi uma grande reformulação. Ela me fez pensar na curva de adaptação aos novos menus e no novo modo de interagir com uma ferramenta que uso no trabalho e em casa.
Gostei muito da mudança que foi feita em todos os aplicativos do pacote de escritório, mas, claro, existem algumas ressalvas e pontos que poderiam ser melhores ou diferentes.
Semana passada, recebi um convite para experimentar o Office 2010, o próximo grande lançamento da Microsoft e fui rapidamente baixar a versão beta do pacote.
Se você quiser experimentar o Office 2010, clique aqui. Atenção: Trata de uma versão beta que pode apresentar falhas e é disponibilizada justamente para que profissionais e entusiastas possam testar e ajudar no desenvolvimento da versão final que será comercializada. A versão beta não está disponível em português do Brasil. Por isso, os menus apresentados nas imagens estarão em inglês.
Esta coluna irá retratar algumas das novidades e minhas primeiras impressões do pacote.

Aparência reformulada
A primeira mudança no novo programa é sua aparência. O Office 2010 é muito parecido com a versão 2007. Chama a atenção a “morte” do botão do “Office” – aquele botão redondo com o logotipo que fica no canto superior esquerdo dos aplicativos – justamente uma das grandes novidades da suíte 2007.

pastedGraphic.pdf

O pacote perdeu o botão do Office que foi substituído pelo menu File. (Foto: Reprodução)

Como pode ser visto na imagem acima, o botão foi substituído por uma aba chamada File que abriga basicamente as mesmas coisas que o botão do Office, porém com uma organização diferente que ocupa a tela inteira quando clicada.
A tela de abertura de novos documentos ficou mais visual, com ícones grandes, o que pode ser mais agradável para o usuário.

pastedGraphic_1.pdf

Ícones grandes deixam a tela mais agradável e ajudam a identificar os tipos de documentos que o usuário pode criar. (Foto: Reprodução)

Controle de versão
Algo que me chamou bastante a atenção no menu File foi a opção Versions dentro do item Info. Pelo visto, teremos um controle de versão dos arquivos criados e editados. O controle de versão é muito útil ao realizar muitas alterações em um documento e, em meio a este processo, acabar perdendo algo relevante. Basta voltar para uma versão anterior e resgatar a informação perdida.

Abas sem grandes mudanças
As outras abas não sofreram grandes mudanças, apenas alguns refinamentos como no antigo mapa do documento, que agora tem o nome de “navigation” e conta com uma caixa de busca como pode ser visto na imagem ao lado.

Criação de abas
A grande novidade no Office 2007 foram os menus em formatos de abas, porém o usuário não tinha condições de criar novas abas e a atribuir a elas as funcionalidades que mais gosta. Isso mudou no Office 2010. Para criar as abas, é preciso entrar no menu File, depois em Options e em Ribbons. Abaixo, há um exemplo de aba que criei com algumas funcionalidades selecionadas aleatoriamente.

pastedGraphic_2.pdf

Novas abas personalizadas. O usuário poderá destacar as ações que mais usa em um único local. (Foto: Reprodução)

Suporte a 64 bits
Esta é uma novidade tardia, pois há muito tempo que temos computadores com processadores de 64 bits e só agora o Office chega a este patamar. Onde mora a vantagem? Quem trabalha com Excel e usa planilhas gigantescas terá melhores condições de trabalho, pois o aplicativo irá rodar mais rapidamente.

Word

pastedGraphic_3.pdf

 

Filtros permitem deixar as imagens estilizadas sem precisar abrir um editor de imagens. (Foto: Reprodução)

Não vi grandes novos recursos no Word, mas um me chamou a atenção: efeitos artísticos em fotos que aplicam mudanças simples, mas bem legais em imagens que são anexadas aos documentos. Claro que não é um recurso que motivaria alguém a comprar o Word, mesmo porque, com um programa grátis como Paint.Net, é possível ter efeitos bem mais avançados.
Também apresenta uma nova funcionalidade que aplica efeitos visuais ao texto como pode ser visualizado na imagem abaixo. O efeito é bem similar ao WordArt, presente no pacote Office desde seus primórdios, mas é mais refinado e não substitui o velho “WordArt” ainda presente na aba Insert.
Notei também a presença de um botão Screenshot na aba Insert, que permite a inserção de imagens presentes na área de transferência do computador. O botão conta com um recurso de captura de tela que minimiza o Word ao ser clicado e permite a captura de uma parte da tela, ideal para quem está fazendo manuais e tutoriais que usam telas de programas.

PowerPoint
Olhando o PowerPoint 2010 pela primeira vez, logo notei uma nova aba chamada Transitions, que traz diversas opções de transição de slides. Este recurso não é novo, mas o fato de ganharem uma aba própria os coloca em destaque.

pastedGraphic_5.pdf

Efeitos de transição do Power Point 2010. Agora ficou mais fácil adicioná-los na apresentação. (Foto: Reprodução)

Uma novidade bastante interessante é o recurso de Broadcast do Office 2010. Ele permite transmitir apresentações por meio de um serviço on-line. Após ativar o serviço, o usuário receberá uma URL para fornecer aos seus contatos para que eles assistam a apresentação. Testei o serviço e ele é bem simples e rápido.
O PowerPoint traz mais recursos multimídia, com novas ferramentas para lidar com arquivos de vídeo. É possível aplicar filtros e recursos básicos de edição.

Excel
Não notei grandes novidades no Excel. Ele é uma ferramenta bem completa. Reparei na existência de uma ferramenta chamada Sparklines que traz minigráficos que ficam direto nas células e deixam as planilhas graficamente mais interessantes.

pastedGraphic_6.pdf

Minigráficos direto nas células. Recurso novo e muito interessante para deixar as planilhas com maior impacto visual. (Foto: Reprodução)

Em um computador de 64 bits usando o Office 2010, o Excel mostrará seu valor para quem trabalha com grandes volumes de dados.
Outlook
Tenho a impressão que o Outlook foi o programa que a Microsoft dedicou maior atenção. Na versão 2007, chamou a atenção o fato de o Outlook não ter recebido o mesmo tratamento estético que o restante do pacote Office, mas o 2010 está totalmente reformulado, com abas como os demais integrantes da família.

pastedGraphic_7.pdf

O Outlook ganhou um visual muito mais bonito e organizado, parecido com o resto dos aplicativos do Office. (Foto: Divulgação)

fonte: G1

autor: Fernando Panissi


Nem a primeira nem a última vez!!

novembro 24, 2009

Mais um vídeo que demonstra graves falhas no mult-touch do Windows 7. Sim, depois vários problemas na China, e vários programas de jornalismo espalhados pelo mundo, chegou a vez do Japão sentir na pele. O pior foi que tudo aconteceu durante o lançamento oficial do Windows 7 no Japão, com direito a UltraMan e tudo. Você pode conferir as dificuldades em alguns momentos do vídeo, um deles: 3:22. No final, mais problemas…


Adobe demonstra funções do Photoshop CS5

outubro 9, 2009

Depois do anuncio oficial feito pela empresa, falando sobre o desenvolvimento de aplicativos usando o Flash CS5, agora a empresa divulgou um vídeo oficial mostrando algumas funções bem inovadores do tão famoso software de edição de imagens, Photoshop.

Confiram o vídeo! Quem apresenta as inovações é o gênio das imagens, Russell Brown.


Piada Geek

agosto 30, 2009

Depois dos “macmaníacos” reclamarem devido a ausência do X na caixa do novo sistema operacional da Apple, o pessoal do Joy of Tech resolveu fazer uma tirinha:

ampliar

fonte: MacMagazine


Qual navegador se enquadra com você?

agosto 30, 2009

Estamos passando por um perído de guerra de navegadores, e surgem grandes dúvidas a respeito da qualidade dos navegadores. O que pouca gente sabe é que dependendo do computador usado, um navegador pode se encaixar melhor independente da versão utilizada, tudo depende do seu computador. Então encontramos um serviço que faz uma medição rápida. baixem os navegadores e vejam qual deles tem a melhor pontuação. Aqui o link.